Ranking das marcas mais adquiridas no Brasil em 2016

Ranking das marcas mais adquiridas no Brasil em 2016

Ranking das marcas em 2016

Foi lançado este ano a quinta edição do Brand Footprint, ranking da Kantar Worldpanel que lista as marcas de bens de consumo não-duráveis mais adquiridas pelos brasileiros no ano anterior. Em primeiro lugar, Coca-Cola é a marca mais escolhida pelos consumidores globais. Essa é quinta vez consecutiva que a multinacional de bebidas lidera o ranking que mede a escolha do consumidor

A métrica utilizada relaciona o número da população no país, a porcentagem de lares comprando o produto da marca e o numero de interações com a marca ao longo das categorias durante o ano

Analisando esse ranking por categorias de bebidas, alimentos, produtos de limpeza e higiene e beleza novas marcas vão aparecendo.

QUEM SE DESTACOU NO RANKING?

Dentre as marcas mencionadas, muitas alteraram seu lugar no ranking geral e nas suas respectivas categorias, entretanto algumas merecem destaque. No ranking geral a marca Soya subiu 4 posições em relação ao ano de 2015. Isso devido aos baixos preços, além da popularidade do óleo de soja no mercado.

Além disso, a Tirol apresentou o maior aumento na sua categoria. A empresa subiu 6 posições e se colocou nas 10 marcas de bebida mais consumidas no Brasil. Já a Tang manteve sua colocação no ranking geral e no ranking da categoria de bebidas. “A marca não deixou de investir em inovação durante a crise econômica e lançou versões vitaminadas, seguindo a tendência de saudabilidade e cuidado com a família/filhos, com baixo desembolso”, analisa Patrícia Beber, Country Manager Brasil na Kantar Worldpanel.

“Muitas das marcas que tiveram bom desempenho frente a 2015 apresentam uma boa relação custo x benefício ao consumidor. Entre elas, podemos destacar Nivea, que foi impulsionada pela categoria de sabonetes. Para o consumidor está clara a entrega do benefício de hidratação por um preço bastante acessível. Por outro lado, com o bolso apertado, caso o lar não perceba claramente o valor do produto, acaba optando por marcas de baixo preço”, completa a executiva.

 

Fonte: https://www.kantarworldpanel.com/br/Releases/Brand-Footprint-Ranking-Brasil

Fonte: https://www.kantarworldpanel.com/brand-footprint-ranking/#/2016-snapshot/fmcg2016